O turismo de negócios é um dos segmentos mais importantes e de maior vitalidade para a economia turística do País. Ocupa a primeira posição entre os que mais aumentaram seu faturamento.
O turismo de eventos é também o segundo maior fator de atração de visitantes estrangeiros para o Brasil: 25,6% dos turistas internacionais vêm ao país com essa finalidade, e seu gasto médio diário, US$ 127, é quase duas vezes maior que o desembolso dos turistas de lazer. De acordo com a Associação Internacional de Congressos e Convenções (ICCA), o Brasil está em 7º lugar entre os países que mais realizaram eventos internacionais nos últimos anos.

Além do Rio de Janeiro e São Paulo, outras cidades se consolidam como polo de turismo de negócios, Curitiba, Belo Horizonte, Porto Alegre, Foz do Iguaçu, Brasília e Fortaleza. Elas recebem eventos de diversas áreas, saúde, agropecuária, moda, aviação, finanças, construção civil, meio ambiente, dentre outros.

Fonte:
Ministério do Turismo